loading gif
Loading...

Sinopse

A poesia de João Luís Barreto Guimarães oscila, sempre, entre a contemplação da História, a ironia sobre as coisas comuns e quotidianas, a transformação dos sentimentos em meditação sobre a passagem do tempo, a construção de um universo próprio com as suas personagens, obsessões e descobertas.

Há nos seus versos uma atenção meticulosa voltada para os objetos quotidianos e que, a cada livro, foi dando lugar a uma geografia e uma enumeração afetuosa de lugares, memórias e personagens. Fala da casa, das viagens, das leituras, das histórias do mundo, da afirmação da vida. Está marcada pela ironia mas também pela gravidade e pela melancolia, pelo pormenor e pelo retrato de conjunto, pela leitura da solidão mas também do amor, da amizade, das coisas de todos os dias.

Como se todos nós tivéssemos direito à poesia como ao pão de cada dia.

Comentários


Ainda não existem comentários para este livro.

Favoritos

domingos oliveira adicionou aos favoritos

Outros livros de João Luís Barreto Guimarães

Voltar

Faça o login na sua conta do Portal