Loading...

Notícias



Novidades LeYa para Julho

30 Jun, 2017

Novidades editoriais da Leya para o mês de Julho, entre elas, O Ilustre Peito Lusitano, de Maria João Lehning (Oficina do Livro), A Maravilha Imperfeita, de Andrea De Carlo (Dom Quixote), O Castelo dos Destinos Cruzados, de Italo Calvino (Dom Quixote) e As Virgens Suicidas, de Jeffrey Eugenides (Dom Quixote).

O Ilustre Peito Lusitano
Maria João Lehning
OFICINA DO LIVRO
Os primos Sãozinha e Emílio Vilarreal são emigrantes com estudos superiores e de uma família burguesa da zona de Cascais. As razões que os levaram a emigrar para França não foram apenas económicas, mas outras mais profundas e sociais, como a necessidade de realização pessoal e de se libertarem de um mundo fechado com códigos a cheirar a bolor. Assim, a mala de cartão, símbolo da emigração nos anos de 1960 e 1970, dá lugar à mala made in China nitidamente mais leve e sempre pronta para viajar.
A diversidade de nacionalidades dos inquilinos do n.º 7 da Rua Antoine Vollon dá um ar cosmopolita ao prédio. Há um russo, um árabe, uma japonesa, três cabo-verdianos, franceses e, obviamente, alguns portugueses, como Emílio, Sãozinha, o Tó-Zé garagista e o senhor Joaquim, comerciante, mais a sua Dalida.
Aurora, a porteira portuguesa do prédio, sempre de colar de pérolas e chinelo brilhante no pé, assume o papel maternal e torna-se no centro das relações entre os inquilinos.
Nas livrarias a 11 de Julho


A Maravilha Imperfeita
Andrea De Carlo
DOM QUIXOTE
Em Provença, no outono, prepara-se um grande evento. Quase de surpresa, vai ter lugar no aeródromo local um concerto de uma célebre banda inglesa, os Bebonkers, em parte com fins humanitários mas, também, para comemorar o terceiro casamento de Nick Cruickshank, vocalista do grupo. Fervilham os preparativos, integralmente organizados com pulso firme por Aileen, a futura mulher de Nick. Na vila há uma gelataria cuja gerente é Milena Migliari, uma jovem que cria, pensa e experimenta gelados com uma tensão de artista. Milena disse adeus aos homens e vive há alguns anos com Viviane, mulher estável e forte, com quem tem uma relação sólida quase a compensar a evanescência dos gelados, a ponto de Milena se ir submeter dentro de alguns dias à fecundação assistida. Milena, porém, não tem realmente vontade de dar este passo. Sem o confessar, sente-se insegura. Tal como Nick, que pergunta a si mesmo a partir de quando a sua relação com Aileen perdeu o encanto.
Assim se cruzam os destinos de um rocker inglês e de uma rapariga italiana.
Nas livrarias a 11 de Julho


O Castelo dos Destinos Cruzados
Italo Calvino
DOM QUIXOTE
O Castelo dos Destinos Cruzados, que Italo Calvino considerava um dos seus melhores livros, e também o mais fantástico, apresenta um complexo processo de elaboração através de métodos combinatórios. As duas narrativas que o compõem foram construídas a partir do mesmo desafio formal: as interpretações possíveis de dois diferentes baralhos de tarot – o Visconti-Sforza, para O Castelo dos Destinos Cruzados, com as suas delicadas iluminuras, que refletem o refinamento renascentista, e, para A Taberna dos Destinos Cruzados, o de Marselha, de traços mais toscos e que evoca uma linguagem mais popular.
Em cada uma das narrativas, um grupo de viajantes procura refúgio para pernoitar. Inexplicavelmente, todos eles perderam a fala e contam as suas histórias utilizando cartas de tarot em vez de palavras. O narrador interpreta as cartas para o leitor, mas uma vez que as cartas de tarot estão sujeitas a múltiplas interpretações, as histórias que o narrador oferece não são necessariamente aquelas que as mudas personagens pretendiam contar.
Nas livrarias a 18 de Julho


As Virgens Suicídas
Jeffrey Eugenides
DOM QUIXOTE
Num bairro residencial de Grosse Pointe, Michigan, cinco irmãs adolescentes suicidam-se no espaço de um ano. Cecilia, a mais nova, é a primeira. As outras imitá-la-ão. O mais chocante sobre estas raparigas é o quão normais elas pareciam a única vez que a mãe as deixou sair. Os rapazes que outrora as amaram à distância são agora homens crescidos, e relembram as suas personalidades enigmáticas e a adolescência compartilhada: o soutien da promíscua Lux pendurado num crucifixo; a aparência deslumbrante das irmãs na noite do baile; e a rua sufocante e sonolenta a partir da qual eles assistiram à desintegração de uma família e ao desaparecimento de vidas frágeis. Agora, vinte anos depois, estão determinados a compreender uma tragédia que desafiou qualquer explicação, tentando reunir as peças que compõem o mistério da melancolia fatal da família. Pois a questão permanece – porque é que todas as cinco irmãs acabaram por se suicidar?
Romance de estreia do autor, publicado em 1993, é
uma história hipnótica e inesquecível que evoca o amor adolescente e a morte com uma sensibilidade surpreendente.
Nas livrarias a 25 de Julho

Comente esta notícia


Ainda não existem comentários para esta notícia.

Voltar

Subscreva a Newsletter do Portal da Literatura

E recebe os destaques e as novidades no seu email.